Aller au contenu principal

ANGARIACÃO PARA O FUNDO DE SEGURANCA DA VIAGEM DAS #familias_como_as_nossas

Organisé pour : #familias_como_as_nossas

Amigos! No passado dia 25, um grupo de portugueses partiu em direção à fronteira balcânica da União Europeia para ajudar Famílias_como_as_nossas que queiram voltar com eles e pedir asilo no nosso país.

Chegados a Portugal, providenciarão o alojamento de cada uma das famílias por meios próprios, assegurando a sua subsistência e acompanhamento durante todo o processo de pedido de asilo como refugiados de guerra.Não é fácil ajudá-los! Não aceitam donativos. Não permitem que lhes sejam pagas as despesas pessoais. Não querem mecenas e recusam-se a fazer caridade. São movidos pela força de quem acredita que é preciso fazer coisas que estejam alinhadas com as mais profundas convicções. Não esperar. Fazer acontecer.

Conseguimos que aceitassem que fosse criado, pelos seus amigos e quem mais quiser colaborar, um Fundo de Segurança no valor de 1000€ para fazer face aos imprevistos e às adversidades de quem se lança a uma aventura como esta.

Com a quantia que angariarmos, estaremos a contribuír para:

- cuidados médicos e medicamentos, em caso de doença;

- burocracia e outras despesas logísticas, associadas ao transporte das pessoas;

- acidentes, reparações automóveis e outros imprevistos;

- apoio jurídico ou despesas relacionadas com questões legais;

- telecomunicações, se necessário.

 

Tendo em conta que os custos mais significativos com a viagem sao em combustível, conseguimos que aceitassem que se for ultrapassado este montante para o Fundo de Segurança, o valor angariado seja utilizado para cobrir os gastos de gasoleo/gasolina e portagens, sendo distribuido equitativamente por todos os carros que integrem a iniciativa.

Permitimos assim que mais pessoas que se queiram juntar mas que nao têm possibilidade, eventualmente o possam fazer, aumentando esta caravana.

 

Todo o dinheiro que sobrar deste fundo após o pagamento de todos os gastos mencionados reverterá a favor da PAR ( Plataforma de Apoio aos Refugiados). Não hesitem em contribuir. O tecto que estabelecemos pode ser ultrapassado sem inviabilizar a recolha de fundos. Esperemos que assim seja. É por uma causa maior.

Organisé par

Margarida Menezes